Indicações da semana #26

By 13 de novembro de 2015 indicações, principal

Olá, hoje é dia de Vivi! E também é dia de dividir com vocês uma breve reflexão. Confesso que quando o ano vai terminando – e meu aniversário se aproximando, consequentemente – eu fico mais pensativa e mais ativa. Crio mil vontades na minha cabeça e tiro disposição não sei de onde para colocar tudo em prática. Antes que o ano acabe, antes que mais um 6 de janeiro chegue. É um pouco enlouquecedor, mas eu adoro. Deve ser por causa disso que eu me vi, hoje, diante de várias opções de indicações para você. De projeto no youtube a livro, eu quero dividir tudo o que foi essa semana para mim. E espero muito que você goste. Para compensar o volume de coisas, prometo ser breve nos comentários. Aproveitem!

Alive e Bird set free, da Sia

O novo álbum da Sia, This is Acting será lançado só em 29 de janeiro, mas já está dando o que falar. Já foram divulgadas para o público ‘Alive‘, primeiro single – com clipe! -, e ‘Bird set free‘, que também está no disco. As duas músicas têm o que eu mais amo na cantora: mistério, personalidade e a voz poderosa dela. Uma curiosidade: esse álbum é feito por canções escritas que a Sia escreveu para outros artistas, mas quenão foram usadas. Por isso, o nome do disco. A cantora está divulgando novidades sobre o trabalho em uma conta do Instagram criada especialmente para isso. Vale seguir!

O leitor do trem das 6h27, de Jean-Paul Didierlaurent

Esse livro me conquistou bastante pela capa, além de eu achar sempre atraente a ideia de livros que falam sobre livros. E eu não me arrependi de ter comprado! É um livro leve, para você curtir em um fim de semana sem obrigações. Os personagens têm um quê de excentricidade semelhante aos do autor Markus Zusak, de A menina que roubava livros, o que me agradou muito, e o enredo é cativante. Logo nas primeiras páginas você se afeiçoa pelo personagem principal, um homem na casa dos 30 anos, que preenche todas as lacunas do estereótipo de ‘loser’. Ele lê trechos de livros no trem das 6h27 e isso é o que de mais legal ele faz na vida. Mas, aos poucos, nós vamos descobrindo um doce de pessoa por trás de um poço de solidão. Ótimo romance para essa época de fim de ano, de renovação de esperança!

Meu corpo não é seu

Precisamos voltar a falar sobre respeito às mulheres. E vamos falar muito sobre isso, enquanto for necessário. Nessa semana, o youtube nos presenteou com duas manifestações incríveis dentro desse movimento todo que defende os nossos direitos, a igualdade de verdade e o fim dos abusos. Esse projeto aqui de cima é feito por uma amiga, a Clarice Rios, redatora super talentosa, e uma amiga dela, a Nathália Oliveira. Inspiradas em relatos que nasceram da hastag #primeiroassédio, elas escreveram textos que são dramatizados por atrizes que não passaram por aquelas situações, mas que poderiam tê-las enfrentado. Porque pode acontecer com elas, comigo, com você, com sua vizinha, com sua mãe, com qualquer pessoa. Não vamos parar!

Survivor, por Clarice Falcão

Esse clipe foi divulgado hoje e é de um poder que dispensa meu blábláblá aqui. Por favor, vejam e compartilhem! É arte, é força, é tudo o que a gente precisa para continuar a luta e se empoderar. Obrigada, Clarices!

Seja o primeiro a comentar

    Deixe uma mensagem