O post que a gente não achou que faria

By 31 de outubro de 2016 principal

Los Hermanos fizeram (e continuam fazendo, quando lhes convém) um hiato. Adele vai interromper a carreira por cinco anos para cuidar do filho (será mesmo?). Os Stones vão lançar Blue & Ionesome em dezembro, depois de mais de dez anos sem um disco inédito (viram o emoji especial do Twitter?). A Kéfera anunciou no snapchat que não vai mais atualizar o canal no Youtube (mas continua a toda em outras redes sociais). Outro dia, vi um TED sobre o designer Stefan Sagmeister, que trabalha durante sete anos seguidos e, em seguida, tira um ano sabático (vale muito a pena assistir!). Todas esses exemplos são muito diferentes, concorda? Mesmo os que estão na mesma área de atuação têm estilos que não necessariamente se parecem. O que os une aqui é a mesma necessidade: parar. E é o que nos inclui nesse grupo – tão seleto! rs – também.

Sim, precisamos parar. A vida está corrida. O tempo está mais curto. As expectativas se inverteram. As ideias precisam de um descanso. O mais importante: nós mudamos. E sentimos que essa mudança conjunta não estava mais se refletindo no que a gente produz para o blog, hoje. O amor continua, claro. Mas nós percebemos que precisamos dar um tempo para reorganizar tudo, para pensar, para redescobrir nossa motivação. Quanto tempo vai durar o tempo? É impossível saber. Vamos manter o conteúdo no ar porque acreditamos na utilidade que ele continua tendo e porque nós amamos todos os 820 posts que já publicamos aqui, desde o início, lá em 2012, até essa simbólica despedida aqui, em 2016.

Nós vamos e não sabemos quando ou se voltamos. Nós agradecemos pela sua companhia aqui nesses quatro anos e meio e continuamos dispostas para uma boa conversa. Sempre. As portas continuam abertas, deixar isso claro é o principal objetivo desse texto. Os contatos estão por aí: pode usá-los!

Até!

Vivi e Julinha

Seja o primeiro a comentar

    Deixe uma mensagem