Ah, o amor…

Estou apaixonada. Desde sábado. Acontece que eu fui tomada por uma onda de amor indomável durante o show da cantora Marisa Monte. Que composições! E que interpretação! Eu já conhecia a obra dela, as músicas antigas e as novas, mas nunca tinha separado duas horas da minha vida apenas para observar Marisa Monte em ação, ao vivo, sem distrações. Ela sabe o que faz e faz muito bem.

O show, diferentemente do que algumas pessoas me perguntaram, não é paradão nem dá sono. Pelo contrário. Marisa é uma artista e não recebe essa alcunha à toa. Ela é cativante, tem presença de palco e domina o público mesmo sem efeitos pirotécnicos. Acho que é isso que chamam por aí de talento. Talento e trabalho, verdade seja dita. A apresentação, que faz parte da turnê Verdade Uma Ilusão, foi planejada para encantar a plateia. Luzes e cortinas falam tanto quanto as músicas e dizem: ‘Não estamos aqui por acaso’. As projeções de artistas brasileiros contemporâneos – todos citados por Marisa ao final do show – são um espetáculo à parte.

A base do repertório é formada pelas canções do novo CD O Que Você Quer Saber de Verdade e por clássicos da obra de Marisa. A cantora faz uma homenagem a Cassia Eller e canta E.C.T., que ficou conhecida na voz de Cassia, mas é uma composição de Marisa e Arnaldo Antunes. A diva italiana Mina Mazzini também é lembrada, em Sono Come Tu Mi Vuoi, por uma Marisa Monte cheia de trejeitos sensuais.

Durante todo o show a cantora se dirige várias vezes à plateia e um dos momentos mais marcantes, sem dúvidas, é o bis. Depois de se despedir do público com a banda – que tem participações especiais de músicos do Nação Zumbi -, Marisa volta ao palco sozinha e canta Amor, I love you. Os fãs levantam e acompanham a cantora do início ao fim da canção e nas outras duas músicas que encerram a apresentação.

A turnê no Rio ainda terá mais seis apresentações no Vivo Rio, antes de voltar a São Paulo, onde começou. O valor dos ingressos aqui varia de R$ 100 a R$ 320 de acordo com o dia de apresentação e o local escolhido. Aproveitem enquanto ainda há tempo! Não é sempre que o amor é tão belamente cantado perto da gente.

Viviane da Costa

E aí, o que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s