Pelo direito de ser gostosa

Os quilos a mais exibidos por Lady Gaga nos últimos dias causaram um burburinho há muito não visto no mundo das celebridades. É claro que o aumento de peso da diva levantou de novo a bola do debate sobre distúrbios alimentares desenvolvidos na busca pelo ‘corpo perfeito’. A maioria das publicações mostrou com tom de surpresa a nova silhueta de Gaga, como se ela estivesse com o corpo muito feio ou desfigurado por causa da gordura. Tudo bem que o figurino não favoreceu, mas vamos combinar que, tirando a papadinha embaixo do queixo, a cantora não ficou tão tenebrosa assim? Diria até que ela ficou mais gostosa. Longe de mim fazer apologia a um corpo ‘x’ ou ‘y’, cada um é de um jeito e deve se sentir bem assim, mas achei exagerada essa pressão em cima da Lady Gaga.

Depois da polêmica, ela citou no Twitter uma frase da musa do cinema Marilyn Monroe ao agradecer o apoio dos fãs: ‘A todas as garotas que acham que são feias porque não vestem tamanho zero, são vocês as bonitas. A sociedade é que é feia’. Na sequência, ela publicou fotos no Facebook só de lingerie para provar que não está tão gorda. E não está mesmo!

O que eu quero dizer é: quem nunca quis ter um corpo todo cheio de curvas sem ser julgada pela sociedade ou sem ter que conviver com o peso (em mais de um sentido, por favor) de estar fora dos padrões ditados pela moda? Mais: quem nunca quis ser a gostosa da turma e teve vontade de dizer que acha uma modelo magrela feia sem ser rotulada de invejosa? Meninas, venham para o clube!

Viviane da Costa

E aí, o que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s