Destino: terra do sol nascente

Mie Tanaka é uma japonesa moradora de Tóquio, apaixonada por gatos, que não sai de casa sem maquiagem. O hábito de estar sempre com a sombra, o lápis,o gloss e o blush em dia, segundo ela, é típico da juventude japonesa. Mais especificamente, das meninas. Herança deixada pelas gueixas? Possivelmente, afinal, são as diferenças e as semelhanças entre as práticas do passado e as do presente que delineiam o Japão hoje em dia. Quioto, a capital imperial, mantém características da cultura antiga. Tóquio, a capital atual, é o símbolo de uma das maiores potências mundiais. Portanto, se você está planejando uma viagem para o arquipélago mais poderoso do mundo, coloque as dicas dessa entrevista embaixo do braço e prepare-se para os contrastes.

O que você mais ama na sua cidade? A conveniência. Você consegue achar lojas de conveniência em todo lugar e elas abrem 24 horas por dia, 365 dias do ano. Você consegue achar tudo o que você quiser e você também pode ir para onde você quiser de trem.

O que você acha que precisa mudar em Tóquio? Eu acho que nós tínhamos que ter mais verde na cidade.

Legendas em sentido horário, começando pelo canto superior direito: Templo Kiyomizu | Maiko | Maccha | Monte Fuji

Você conhece outras cidades do Japão? Quais? Fale um pouco sobre elas. Yamanashi, minha cidade natal, que fica perto de Tóquio. Lá fica o Monte Fuji, a a mais alta e mais bonita montanha do Japão, foi até impressa na nota de 1000 yen. E Yamanashi é famosa pelas frutas também, como pêssegos, uvas e pêras. Conheço também Quioto, que fica a oeste do Japão e foi a capital do país antes de Tóquio. A cidade mantém as tradições culturais japonesas. Você pode aproveitar a arquitetura, a comida e as roupas. Lá há templos antigos e santuários, como o templo Kiyomizu, um dos mais famosos do Japão por causa da técnica usada na arquitetura. O prédio foi fundado em 798 e foi construído sem o uso de nenhum prego. Quioto produz seus próprios vegetais e você pode experimentar comidas originais, feitas com esses vegetais. Além disso, é um lugar especial para tomar o chá verde japonês, que é chamado de Maccha. Maccha tem um gosto amargo e sempre é servido com pequenos doces japoneses. Você pode até encontrar alguns doces feitos de Maccha. Também é possível ver uma Maiko (jovem aprendiz de gueixa), que veste quimono, a tradicional roupa japonesa, e usa maquiagem e penteado especiais. Você pode tentar se vestir como uma Maiko e tirar fotos, se quiser.

Como você descreveria a juventude no Japão? Eles são estilosos, os meninos e as meninas. Até mesmo os garotos pintam o cabelo e fazem a sobrancelha. Você não vê as garotas sem maquiagem pela cidade porque elas realmente se preocupam com a aparência. Você também pode se chocar porque a maioria das pessoas é muito magra.

Foto de cima: Shibuya, em Tóquio | Foto de baixo: Fila para compra do iPhone 5

No Brasil nós temos a impressão de que os japoneses são pessoas que estão sempre conectadas, usando celulares e internet. É isso mesmo? Sim, as pessoas realmente são viciadas em celulares, mas eu acho que é a mesma coisa com as pessoas de outros países. As pessoas checam email, Facebook, Twitter…

Um turista não pode perder no Japão… Shibuya, em Tóquio, uma cidade ‘fashion’ para os jovens e muito populosa. Quioto também por manter a tradição cultural japonesa.

Quem sai à noite em Tóquio provavelmente vai ouvir… Você pode ir a boates em Shibuya e em Roppongi. Nós ouvimos música pop japonesa e R&B e hip hop americanos.

Um turista deve ter cuidado com… O Japão é um lugar muito seguro, então, você não precisa se preocupar com ladrões. Mas é importante mencionar que muitos japoneses não falam inglês e a maioria das placas nas ruas e estações são escritas em japonês.

O filme japonês ‘Dolls’, de 2002, conta três diferentes histórias de amor, com ênfase nas mudanças de estação no Japão. Direção de Takeshi Kitano.

Qual é a melhor estação para visitar o Japão? Nós temos quatro estações completamente diferentes e você pode aproveitar cada uma delas. Por exemplo, as flores de cerejeiras, que nós chamamos de Sakura, são lindas na primavera. Nós temos muitos festivais de fogos no verão. Você também pode aproveitar a beleza das folhas das árvores ficando vermelhas no outono e pode até ver neve no inverno.

Para ler a entrevista em inglês, clique aqui. To read in English, click here.

Viviane da Costa

E aí, o que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s