Cinco livros para ler na praia

Quando os termômetros passam da marca dos 40° e a sensação térmica fica acima dos 50°, a gente não quer nada mais do que um dia, ou vários, debaixo da sombra do guarda-sol, com água de coco geladinha, brisa do mar e um bom livro para nem sentir o tempo passar. Se não adianta reclamar do calorão, melhor aproveitá-lo e quer forma melhor do que ler um livro na praia? Em geral, títulos leves são os mais recomendados por não exigir muita concentração à beira-mar. Porém, nós aqui do um Fôlego acreditamos que não há barulho de onda e movimento de gente bonita capazes de desviar a atenção diante de boas histórias. Por isso, listamos cinco opções de livros que vão fazer você mergulhar na trama, relaxar e – quase – esquecer do calor.

1) Eu me chamo Antônio: nós já falamos do trabalho do publicitário Pedro Gabriel aqui, lembra? Os desenhos acompanhados de pequenos versos, feitos pelo publicitário e que tomaram conta da internet. viraram livro. As ilustrações cheias de beleza e poesia casam muito bem com uma manhã gostosa na praia.

2) A vida privada das árvores: a segunda obra do escritor chileno Alejandro Zambra é assim como a primeira – o premiado Bonsai – um livro curtinho e com uma história concisa e direta, mas nada rasa. Nela, Julián, um professor de literatura, distrai a enteada Daniela, contando histórias de árvores, enquanto Verônica, mulher dele e mãe dela, não volta para casa. Na espera, Julián pensa no passado e fantasia um futuro sem Verônica. As pouco mais de 90 páginas do livro são companhia perfeita para uma tarde na praia até o sol se por.

 

3) O diário de um fescenino: é uma ótima escolha para quem quer aproveitar as horas na praia para conhecer a literatura de Rubem Fonseca. Apesar da linguagem crua, sem frescuras – o autor adora um palavrão -, o livro é leve, dinâmico e gostoso de ser lido. Conta a história de um escritor, carioca e solteirão, que resolve registrar em um diário as aventuras sexuais e amorosas que vive com diferentes mulheres.

4) O lado bom da vida: se você é daquelas pessoas que chegam cedo e só saem da praia quando o sol de põe, esse livro é uma ótima pedida. Apesar das 256 páginas, a história contada por Matthew Quick é tão envolvente e com linguagem tão simples, que dá perfeitamente para ler em um só dia. O livro, que virou filme com direito a Oscar de Melhor Atriz para Jennifer Lawrence em 2013, narra a história de um ex-professor, de 30 e poucos anos, que precisa retomar a vida depois de ficar um tempo em uma clínica psiquiátrica.

5) Força estranha: é um livro de ficção com muitas pitadas de realidade em histórias que, como diz a sinopse, o autor Nelson Motta viu, ouviu falar e até viveu. São contos com enredos surpreendentes e quem, em comum, têm personagens envolvidos em mistérios e intrigas, tudo com um quê de outro Nelson, o Rodrigues. Ao todo, são dez histórias, em linguagem simples e bem-humorada, que podem render uma boa leitura por vários dias de praia.

Júlia Faria e Viviane da Costa

Um comentário sobre “Cinco livros para ler na praia

  1. Pingback: Melhor do Rio: Leblon | um fôlego

E aí, o que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s