Descubra um reduto de tranquilidade na Tijuca

A Tijuca é um dos bairros mais tradicionais – até hoje – do Rio de Janeiro. O estilo de vida do tijucano é uma das características que comprova essa afirmação. Se puder fazer TUDO perto de casa, ele vai fazer, e vai se esforçar muito para isso. O bairro é bem localizado e tem fácil acesso para outras regiões da cidade. Mas, se dá pra ficar na Tijuca, por que sair? É mais ou menos isso que eu penso quando busco um refúgio, um cantinho da paz. Poderia ir para diversos parques e jardins espalhados pela cidade, mas, se existe um lugar maravilhoso e incrível na Tijuca, por que sair?!

refúgio na tijuca (8)

Entrada para o Santuário da Medalha Milagrosa

Rua Doutor Satamini, 333, é o endereço do meu – agora nosso – paraíso particular. O terreno abriga, hoje, um hospital e o Santuário da Medalha Milagrosa. Mas há muito mais que isso. No passado, funcionou ali um colégio, baú de muita nostalgia desta que vos escreve. Quando pequena, meus dias só começavam depois de percorrer uma longa rampa ou – em dias de horário apertado – uma escadaria bem puxada. Os tombos eram inevitáveis, mas todo o ar puro e o verde que enchia os olhos e os pulmões compensavam os arranhões. Árvores, flores, pássaros… Imagine uma espécie de pequeno (mesmo) parque no meio do caos urbano. É assim que é esse endereço.

Como dezembro é um mês de reflexão e de rever tudo o que passou para fazer novos planos – sou dessas! -, tirei um dia em novembro para revisitar boas lembranças e pensar. Entre as minhas resoluções desse momento surgiu a ideia de fazer esse post para você, caro leitor. Revirei meus arquivos de fotos e ofereço agora um ensaio de um dos meus lugares favoritos no mundo. Aproveite para meditar, rezar, criar, espairecer, o que der na telha.

Como são muitas fotos, dividi por blocos.

TODA A NATUREZA QUE EU AMO: <3

O SANTUÁRIO DO LADO DE FORA: é uma das construções mais bonitas que eu já vi.

O SANTUÁRIO DO LADO DE DENTRO: para vocês conhecerem um pouco mais.

Conheça mais sobre o Rio de Janeiro. 

Viviane da Costa (texto e fotos)

5 comentários sobre “Descubra um reduto de tranquilidade na Tijuca

    • Olá, Tarcísio! A Tijuca é um bairro muito agradável, realmente, embora não abrigue nenhum dos principais pontos turísticos do Rio. Em uma visita com mais tempo, vale dar uma passada por lá para conhecer melhor, com certeza.

      • Ótimo texto Vivi! Só tenho uma dúvida quanto aos principais pontos turísticos.. A Floresta da Tijuca com todas suas trilhas e vistas, não é considerada da Tijuca? E o Maracanã? Não faz parte da “Grande Tijuca”? rs.

        • Oi, Vinicius. Que bom que você gostou do texto. Mas, de fato, me expressei mal nessa questão dos pontos turísticos. Poderia ter exemplificado para deixar claro meu pensamento. Em geral, quando falamos em Rio e pontos turísticos, Corcovado, Pão de Açúcar e Copacabana, por exemplo, costumam ser os mais badalados, citado e procurados. Foi isso que quis dizer. :D Obrigada pela observação. Beijos

      • Olá Viviane, boa tarde! Conto com a vida estar sempre melhorando. Aprecio um tanto o trabalho de vocês, e isso, às vezes até me dar uma sensação de já ter morado no Rio de Janeiro(Será que minha reencarnação anterior foi aí? …). Bom, porque o tempo tem sido pouco, … além dos problemas de saúde que venho tratando já há um tempo não foi possível encontrar sua nota antes. E estou bastante feliz por tê-la encontrado agora – e porque vocês são jornalistas eu peço desculpas pelo português imperfeito -. Forte abraço! Beijos!

E aí, o que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s